Fatos

Marcelo Crivella reduz o número de radares municipais em 17,3%

O número de radares foi reduzido em 17,3%.
Antes do início do mandato, em 2016, eram 619 radares. Atualmente, são 512.
No total, nesse mesmo período, os dispositivos de fiscalização eletrônica (incluindo equipamentos que fiscalizam avanços de sinal e faixa, entre outros) foram reduzidos em 22,5%, de 926 para 717.

Segundo dados do Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran-RJ), a Secretaria municipal de Transportes (SMTR) processou 168.985 autos de infração em janeiro deste ano, um total de 17.165 a menos que o mesmo mês do ano passado, quando o número foi de 186.150, queda de 9,2%.Na comparação com dezembro de 2016, o recuo foi um pouco maior, de 10,5%. No último mês do ano passado foi aplicado um total de 188.979 multas. Procurada, a SMTR disse que “a oscilação inferior a 10% é considerada uma variação dentro do normal para períodos iguais”. A queda mensal, entretanto, é a quarta consecutiva desde setembro de 2016, quando o número de multas foi de 222.591. Durante campanha à prefeitura, Marcelo Crivella anunciou que tinha a intenção de diminuir o número de radares na cidade. Os dados do Detran mostram que o ano de 2016 bateu recorde em número de multas desde 2001, quando as estatísticas começaram a ser disponibilizadas no site do órgão. No ano passado foram aplicadas 2,5 milhões de multas, contra 2,3 milhões em 2015.

Compartilhe:

Deixe seu comentário: